top of page

MGLU sobe +22% em 3 dias. Chegou a hora?

Atualizado: 8 de jul. de 2022

R$ 2,06. Com uma nota de 2 reais e mais alguns centavos, você já conseguiria comprar uma ação da Magazine Luiza na terça-feira, 5 de julho de 2022.

mglu3, mglu, ação mglu, magazine luiza, bolsa de valores, mglu b3, ação magazine, investimento, mercado financeiro, research, comprar ações, ibovespa

Chega a ser assustador para quem viu a empresa ser negociada por mais de 10 VEZES esse valor.


Sim, as ações já caíram 92% desde a máxima. Parece ser um poço sem fundo. Ninguém quer mais encostar, ouvir falar, ou saber da Magazine Luiza, ou de qualquer outra ação do setor de varejo.


É nessa hora que as coisas começam a ficar interessantes.


Como diria nosso nobre Warren Buffett, em tradução literal:

“Seja cauteloso quando outros estão gananciosos, e ganancioso quando todos estão com medo.”

Então chegou a hora de comprar ações da Magazine Luiza?


É o que você deve estar se perguntando, e certamente é por esse motivo que acessou essa publicação. Vamos lá, eu garanto que você já vai ter essa resposta.


Primeiro, gostaria de relembrar os tempos áureos da nossa querida Magalu:


A empresa passou por grandes dificuldades, e chegou ao fundo do poço em 2015, quando sua ação chegou a valer nada menos que 3 CENTAVOS.


Foi nessa época que a empresa revolucionou o e-commerce, foi pioneira no omnichannel e iniciou uma das maiores retomadas da história da bolsa e valores.


Alguns anos depois, em novembro de 2020, a empresa já valia R$ 170 bilhões.


Sua ação, que era R$ 0,03, chegou a R$ 27. Seus acionistas, que compraram as ações na mínima, tiveram retornos de até 91.000%.

mglu3, mglu, ação mglu, magazine luiza, bolsa de valores, mglu b3, ação magazine, investimento, mercado financeiro, research, comprar ações, ibovespa

Um simples investimento de cerca de R$ 1.000 já teria deixado muita gente MILIONÁRIA. Sim, a Magalu deixou muita gente rica.


E a ganância cegou muitos investidores.


Mesmo quando sua ação estava no auge, precificando uma perfeição que já parecia improvável aos olhos dos mais racionais, o mercado estava carregado de recomendações de compra, com preços-alvo cada vez maiores.


Quando vimos tal irresponsabilidade, tratamos imediatamente de mergulhar ainda mais nos fundamentos da empresa para trazer a verdade a nossos assinantes: A ação estava cara.


E a Alkin Research foi a única capaz de avisar isso ao mercado.


Uma análise exclusiva, que somente nossos assinantes tiveram acesso:


Em 17 de janeiro de 2021, muito antes da queda começar, recomendamos vender as ações da MGLU3 quando a ação estava R$ 23,96, bem próximo do topo histórico. Ressaltamos que no pior cenário (que se mostrou ainda mais agressivo) as ações poderiam chegar a R$ 12, mais da metade do que estavam sendo negociadas.

mglu3, mglu, ação mglu, magazine luiza, bolsa de valores, mglu b3, ação magazine, investimento, mercado financeiro, research, comprar ações, ibovespa, alkin research

O restante da história, vocês já sabem.


Ainda que não tenha sido uma culpa da empresa, e que uma série de fatores econômicos como inflação e taxa de juros tenham contribuído com a derrocada, ignorar os fundamentos, comprar na máxima e não acompanhar uma análise imparcial, deixou muita gente pobre.


Percebeu a importância de uma recomendação de qualidade?


Ok, mas e agora, o que esperamos para a Magazine Luiza? Será que chegou a hora de encher o carrinho? É melhor esperar ou vender as ações porque o pior ainda está por vir? E ainda:


A Magazine Luiza pode voltar a ser negociada por mais de R$ 20?


Não queremos ser profetas do apocalipse, nem frustrar aqueles investidores que possuem um preço médio ainda elevado com as ações da empresa. Mas acreditamos que seja muito improvável que tal feito se repita.


Por outro lado, trazemos um pouco do copo meio cheio para a Magalu e para todo o setor de varejo. Veja alguns fatores que podem impulsionar as ações no médio prazo:


1) E-commerce ainda pode crescer muito. O Brasil ainda possui cerca da metade do percentual de penetração do varejo digital em relação aos EUA e à China.

2) A Magalu (e as demais empresas do setor) agora têm novas formas de ganhar dinheiro com os vendedores do seu marketplace, além da taxa sobre as vendas. (Alguns exemplos: Ads, empréstimos, logística)

3) Cenário econômico deve melhorar (Taxa de juros projetada pelo Banco Central para 2024 é de 7,5% e inflação de 2,5%)

4) Auxílios (temporários) do governo para a população, que devem estimular a economia e principalmente o varejo.

5) A Magalu está se diferenciando em setores que foram negligenciados pelo mercado (food delivery, games, moda, esportes e calçados).


Viu como as coisas ainda podem melhorar?


Mas o momento ainda exige cautela, o cenário é bastante turbulento, e o último trimestre apresentou um resultado ASSOMBROSO para a Magalu com uma queima de caixa de quase R$ 4 bilhões.


Mais uma vez, nossos assinantes tiveram acesso em primeira mão à análise trimestral da companhia, por uma visão única no mercado. Só que hoje, temos um PRESENTE pra você:


Afinal, quanto valem as ações da Magazine Luiza HOJE?


Você vai descobrir nesse relatório exclusivo que estamos liberando POR TEMPO LIMITADO para que você tenha acesso a esse conteúdo de uma qualidade ímpar no mercado.


Acesse agora mesmo e descubra:


E se você quer fazer parte do nosso seleto grupo de assinantes Premium, e ter acesso em primeira mão a muitas outras análises de oportunidades de alto retorno na bolsa, você está mais do que convidado.


Aqui embaixo, você tem acesso ao nosso plano mais vendido, com um SUPER DESCONTO pra você começar a investir de verdade, como um profissional:



Comentarios


bottom of page